Segunda-feira
10 de Dezembro de 2018 - 

Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico
Usuário
Senha

Notícias

Newsletter

Nome:
Email:

Previsão do tempo

Hoje - Sacramento, MG

Máx
31ºC
Min
15ºC
Parcialmente Nublado

Webmail

Clique no botão abaixo para ser direcionado para nosso ambiente de webmail.

11/10/2018 - 13h20TJMG agenda mais de 33 mil audiências para a Semana Nacional da ConciliaçãoNúmeros já superam as programadas em 2017. Solicitações até o dia 19 de outubro

O número parcial de audiências programadas para a 13ª Semana Nacional da Conciliação, atualizado nesta quarta-feira, 10 de outubro, é de 33.896. Esses valores superam aqueles obtidos no mesmo período, em 2017, que foram 22.583 agendamentos.   Os interessados em agendar audiência de conciliação para esse período devem fazer a solicitação diretamente no processo ou através do canal Quero Conciliar no Portal TJMG. A solicitação pode ser feita independentemente da fase em que se encontra o processo. A Semana, uma iniciativa do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), está programada para os dias 5 a 9 de novembro. Os Juizados Especiais no interior do Estado possuem o maior número de audiências marcadas, 14.445. Seguem a Justiça Comum com 11.783, os Centros Judiciais de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejuscs) 5.979 e diretamente pelo Canal Quero Conciliar com 1.689 pedidos de audiências.   Nos Cejuscs, as comarcas que mais possuem audiências agendadas são Belo Horizonte e Juiz de Fora com 1.590 e 461, respectivamente. Em Minas Gerais, há 131 Centros aptos a participarem da Semana Nacional da Conciliação. As comarcas que não possuem Cejuscs também podem marcar as audiências, cuja realização ficará a cargo do juiz da vara por onde tramita o processo.   Cultura da conciliação   A 3ª vice-presidente do TJMG, desembargadora Mariangela Meyer, à qual estão vinculadas várias iniciativas voltadas para a conciliação e mediação, comenta que Semana Nacional da Conciliação tem por principal objetivo disseminar a cultura da conciliação como método mais rápido de solução de conflitos.  As ações mais comuns passíveis de acordo são aquelas relativas a direito do consumidor, contratos bancários, telefonia, guarda e visitação de filhos, pensão alimentícia, condomínio e locação.   A conciliação é uma forma alternativa de resolver conflitos por meio do diálogo. Ela pode ser realizada antes que o conflito resulte em um processo ou mesmo durante uma ação judicial. Essa alternativa pode ser solicitada por qualquer uma das partes que demonstrar a vontade de resolver o problema. Desse modo, é marcada uma audiência para que as pessoas envolvidas compareçam perante o conciliador ou o juiz em busca do acordo.   Acesse o formulário para processo que está na primeira instância (fórum da comarca).   Veja o formulário para processo que está na segunda instância (TJMG).   Alternativas à conciliação   As conciliações realizadas durante a semana nacional são chamadas processuais, ou seja, quando o processo já está em tramitação na justiça, ou então pré-processuais. Nesse caso, a audiência de conciliação evita que o caso venha a transformar-se em um processo judicial. Nesta modalidade, o próprio interessado pode buscar a solução do conflito, com a ajuda dos conciliadores e mediadores que atuam nos Centros Judiciários de Solução de Conflitos (Cejuscs) durante todo o ano.  O Tribunal de Justiça também firmou convênio com persas entidades para instalação de Postos de Atendimento Pré-Processual (Papre) e de Postos Avançados de Conciliação Extraprocessual (PACE) em persas localidades mineiras.   Os Papres são unidades voltadas para a conciliação de demandas que ainda não se tornaram judiciais. Instalados em instituições de ensino conveniadas com o TJMG e em outros locais dos municípios, os postos atuam em parceria com os Cejuscs.   Os Paces são uma parceria de associações e federações comerciais e empresariais com a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/Seção MG) e com o TJMG para a solução de demandas de consumo por métodos de diálogo e negociação.   Consulte os endereços dos Cejusc e dos postos de atendimento pré-processuais na página da Conciliação, Mediação e Cidadania, no Portal TJMG.   Para mais informações, consulte o Serviço de Apoio ao Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Seanup), localizado na rua Goiás, 229, Anexo I, 10º andar, sala 1.005, em Belo Horizonte/MG, ou encaminhe e-mail, para nupemec@tjmg.jus.br, ou nupemec.conciliacao@tjmg.jus.br.   Ligue 0800-283-2715 / (31) 3237-5128/5141/5142/5143/5144.  
11/10/2018 (00:00)

Contate-nos

MELO RODRIGUES ADVOCACIA

Rua Ângelo Crema,  159
-  Bela Vista I
 -  Sacramento / MG
-  CEP: 38190-000
+55 (34) 33511084
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia